mar 29, 2022

Smartphone na saúde: como usar a ferramenta para se aproximar dos pacientes

smartphone na saúde doctoralia tuotempo

O uso do smartphone na saúde oferece vantagens para pacientes, especialistas e funcionários de instituições de saúde, mas exige, por outro lado, cuidados para não comprometer a segurança das informações. Aplicativos para pacientes, redes sociais e WhatsApp estão entre as principais formas de usar o smartphone como ferramenta de saúde.

É impossível falar de presença digital para clínicas e profissionais de saúde sem falar da importância do smartphone na saúde.

Não há dúvidas de que os smartphones fazem parte do cotidiano dos brasileiros. Em 2021, os celulares foram usados no país por, em média, 5,4 horas diárias, de acordo com um relatório da plataforma AppAnnie que considerou aparelhos com sistema operacional Android.

Sabendo disso, empresas buscam formas de usar esse canal para entrar em contato com potenciais consumidores

No mercado da saúde, acontece o mesmo. Os aparelhos trazem comodidade para a rotina de médicos, pacientes e funcionários de clínicas e hospitais, pois facilitam o agendamento de consultas, a comunicação e outras tarefas.

No entanto, nessa área, o uso do celular para o contato com o público exige cuidado redobrado, uma vez que as informações trocadas são sensíveis

Sendo assim, como aproveitar a ferramenta da melhor maneira para aproximar-se dos pacientes, sem comprometer a segurança das informações? É sobre isso que vamos falar no artigo!

Como usar o smartphone como ferramenta de saúde?

A seguir, você conhecerá três principais formas de usar o smartphone como ferramenta de saúde: 

  • Contar com um aplicativo para pacientes
  • Usar as redes sociais
  • Fazer atendimento pelo WhatsApp

Entenda as possibilidades de cada um desses canais:

como usar o smartphone na saúde

Aplicativo para pacientes

Os pacientes atuais buscam autonomia e comodidade, utilizando o smartphone para tirar dúvidas de saúde, encontrar especialistas e marcar consultas. Existe até um termo que dá nome a esse perfil: paciente digital

Uma maneira de atender aos anseios desse paciente digital é oferecendo um aplicativo para pacientes, uma ferramenta do centro médico que pode ser instalada no celular. 

Esse tipo de app reúne, em um só lugar, diversas funcionalidades úteis para o público, como ferramenta de telemedicina, agendamento de consultas, chat para falar com os especialistas, conteúdos úteis, entre outras.

“Além de ir ao encontro dos desejos dos pacientes, um aplicativo para pacientes traz benefícios para a instituição de saúde.”

Como está disponível na palma da mão do usuário, a ferramenta contribui para o fortalecimento da marca. Já o acesso facilitado a agendamentos pode se refletir em aumento de receita. E, ao automatizar tarefas como o check-in, o centro médico ganha eficiência.

Redes sociais

Outra maneira de usar o smartphone como ferramenta de saúde é por meio das redes sociais

O Brasil é o terceiro país no ranking de uso dessas plataformas, perdendo apenas para Filipinas e Colômbia, de acordo com um estudo que reuniu dados da Hootsuite e WeAreSocial. A média é de 3h42min passados todos os dias em plataformas como Instagram e Facebook.

E os usuários não acessam as redes sociais somente para saber das novidades de amigos e familiares, mas também para acompanhar empresas. Levando isso em conta, fica fácil concluir que são um ótimo canal para se aproximar dos seus pacientes

Por meio de um perfil nas plataformas certas, a instituição de saúde pode publicar conteúdos relevantes. Além disso, consegue tirar dúvidas dos pacientes e divulgar informações como horário de atendimento, endereço, telefone e serviços oferecidos.

“Com uma estratégia consistente nas redes sociais, clínicas e hospitais conseguem engajar os pacientes, gerando conversas e humanizando a instituição.”

Já por meio dos conteúdos, educam o público, ganham relevância e posicionam-se como autoridade em seus segmentos de atuação. 

Mas atenção: no Brasil, o Manual de Publicidade Médica do Conselho Federal de Medicina (CFM) traz uma série de definições para orientar os profissionais de saúde a usarem as redes sociais de forma ética

É importante consultar o material para entender o que é ou não é permitido antes de começar.

👉 Veja também: Marketing em saúde: como combinar campanhas online e offline

WhatsApp

O WhatsApp faz parte do dia a dia dos brasileiros, de modo que é difícil encontrar quem possua um smartphone e não tenha o app instalado. São mais de 100 milhões de usuários mensais no país, que fica atrás somente da Índia no ranking mundial

Um dos usos é o contato com negócios: em uma pesquisa feita pela Infobip, 80% dos entrevistados disseram utilizar a ferramenta para falar com empresas.

whatsapp

Nas instituições de saúde, o WhatsApp é usado para realizar agendamentos, responder dúvidas dos pacientes, enviar lembretes e confirmações de consultas.

Dada a forte presença dos pacientes, o app é um canal importante para se aproximar do público e oferecer uma boa experiência.

Para obter bons resultados, é recomendado usar o WhatsApp Business, a versão do aplicativo voltada para negócios, que passa mais segurança e credibilidade aos pacientes.

Cuidar da ortografia na hora de escrever as mensagens e treinar os colaboradores para que sejam cordiais com os pacientes são outras boas práticas. Além disso, é importante tomar cuidado com disparos em massa, que podem incomodar o público. 

O WhatsApp facilita a comunicação com os pacientes, mas, no caso de centros médicos que recebem muitas mensagens, pode afetar a produtividade da equipe responsável pelo atendimento, que costuma ser a recepção. 

A dica é automatizar o que for possível usando um software médico, que permita o envio de lembretes, confirmações e campanhas de marketing pelo WhatsApp, eliminando tarefas repetitivas. O agendamento também pode ser automatizado nesse tipo de plataforma. 

Outra questão sobre o uso do WhatsApp é a segurança dos dados dos pacientes. Mas, sobre isso, falaremos com mais detalhes no próximo tópico. 

👉 Leia também: 4 ferramentas para melhorar a comunicação com os pacientes

Cuidados no uso do smartphone na saúde

Chegar aos pacientes através do smartphone requer também alguns cuidados, afinal, vivemos tempos em que as discussões sobre o uso dos dados dos consumidores online são frequentes.

Isso é ainda mais preocupante na área da saúde já que as informações dos pacientes são sensíveis. Os dados armazenados devem ser criptografados para dificultar que sejam vazados, por exemplo.

Um grande marco recente é a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), em vigor desde 2020. Em razão dela, a clínica ou hospital devem ter cuidado para garantir que usam ferramentas que seguem as diretrizes estabelecidas pela LGPD

Esse também é um dos motivos pelo qual aplicativos gratuitos como o WhatsApp exigem atenção redobrada. Ferramentas desse tipo não foram criadas para fins médicos, portanto, o mais recomendado é dar prioridade para plataformas desenvolvidas especialmente para a área da saúde.

👉 Leia também: Proteção de dados na saúde: 4 dicas para fortalecer a segurança das informações de centros médicos

Ferramentas para melhorar o uso do smartphone na saúde

ferramentas para melhorar o uso do smartphone doctoralia tuotempo

Se a sua clínica ou hospital deseja usar o smartphone como ferramenta de saúde sem deixar de lado a segurança dos dados dos pacientes, o melhor é contar com o apoio de ferramentas profissionais, desenvolvidas para a área

Esse é o caso das soluções desenvolvidas pelo Grupo Docplanner. Temos ferramentas voltadas para clínicas e hospitais que possibilitam ter um aplicativo para pacientes, enviar mensagens automatizadas pelo WhatsApp, disparar campanhas de marketing e muito mais.

Nossos softwares protegem os dados dos pacientes, em conformidade com a LGPD. As informações ficam seguras e organizadas, podendo ser acessadas somente pela equipe do centro médico. 

Os dados ficam armazenados na nuvem, em servidores externos, e são criptografados de ponta a ponta.

Conheça as nossas soluções:

Agenda Doctoralia

A Agenda Doctoralia Clínicas é um sistema de agendamento online de consultas que permite que os clientes façam agendamentos 24h em diversos canais.

br-header-product-software-agenda-online-clinics@2x

A ferramenta facilita o uso do smartphone na saúde, permitindo automatizar o envio de lembretes e confirmações de consultas por WhatsApp e SMS. Dessa maneira, o trabalho da recepção se torna mais eficaz e as faltas são reduzidas.

Informações sobre novos serviços, tratamentos periódicos e outras dicas de saúde podem ser compartilhadas com públicos segmentados em poucos cliques. 

Assim, a clínica aumenta a retenção dos pacientes e ainda proporciona uma experiência excelente ao público.

TuoTempo

Se você procura um aplicativo voltado a pacientes para a sua instituição de saúde, precisa conhecer o CRM TuoTempo

Uma das possibilidades oferecidas pelo sistema de relacionamento com pacientes do Grupo Docplanner é um aplicativo que permite:

  • Fazer check-in
  • Encontrar especialistas
  • Agendar, remarcar e cancelar consultas
  • Conversar com o médico
  • Fazer pagamentos
  • Receber resultados de exames, entre outras funcionalidades. 

Com o TuoTempo, seu hospital não precisa construir um aplicativo do zero o que pode demandar tempo e dinheiro, uma vez que exige a contratação de uma equipe dedicada para colocar a ferramenta no ar e cuidar da sua manutenção.

br-tuotempo-app-image-new-1@2x-1

Basta contratar a infraestrutura e personalizá-la conforme as necessidades e a identidade visual do seu hospital. É possível alterar as cores, incluir seu logotipo e ainda escolher os recursos que você deseja ativar. 

Além do aplicativo, a ferramenta possui várias outras funcionalidades para uma experiência digital completa, como envio de mensagens de confirmação e acesso aos resultados dos exames.

E mais: o TuoTempo ainda pode ser integrado a mais de 30 dos principais softwares de gestão do mercado. Assim, você garante a centralização e segurança dos dados, além de agregar funções de comunicação ao seu sistema atual sem grandes mudanças na rotina.

Trabalhamos em colaboração com a sua equipe, dando todo o suporte necessário para que, juntos, possamos conquistar resultados reais.

Para saber mais sobre como melhorar o uso do smartphone na saúde e as demais funcionalidades dos nossos sistemas, solicite uma demonstração personalizada:

Explore o potencial do smartphone na sua clínica ou hospital! Saiba mais.

👉 Leia também: Site para hospitais e clínicas: 5 vantagens e como otimizá-lo